SPA
 
A SAP, líder global em soluções de negócios colaborativos e multiempresas, adquiriu este mês a Gigya, uma empresa de gestão de acesso e identidades de clientes. A aposta centra-se na experiência omnicanal aos clientes para fortalecer a capacidade de resposta e a integração de novas soluções.
O acordo para a aquisição, cujos termos financeiros não foram divulgados, foi agora afinado e a compra prevê-se concluída até ao final de 2017. Depois disso, as operações da Gigya, que conta com mais de 300 funcionários e tem a sua sede em Mountain View, Califórnia, serão integradas na unidade de negócios SAP Hybris, da Customer Engagement & Commerce.
 
Enquanto plataforma de gestão de acesso e identidades de clientes, a Gigya (que gere atualmente 1,3 mil milhões de identidades) trabalha para ajudar as empresas nas relações digitais com os seus clientes, permitindo-lhes gerir o perfil dos clientes, as suas preferências e definições de consentimento, ao mesmo tempo que os clientes mantêm o controlo total dos seus dados.Os clientes registam-se e escolhem as opções de consentimento da Gigya, que responde adequadamente às regras de privacidade de dados de cada área geográfica e gere os requisitos de cumprimento das mediante as leis de protecção de dados.
 
A Gigya é parceira da SAP Hybris desde 2013 e tem já clientes a utilizar uma extensão da solução SAP Hybris e Gigya. Agora, com esta aquisição, as empresas vão, não só, estreitar a relação existente como esperam continuar a crescer. "A Gigya dispõe de um conjunto de competências e conhecimento que irá reforçar significativamente a solução SAP Hybris Profile e liderar o mercado emergente de gestão de acesso e identidades de clientes," tornou público Carsten Thoma, presidente e cofundador da SAP Hybris. "A confiança é a principal moeda para se ter sucesso em organizações orientadas para o cliente. É exatamente nesta premissa que a Gigya é conhecida e reconhecida."
 
Com esta compra, a SAP Hybris ambiciona posicionar-se como a primeira organização fornecedora de uma plataforma de dados baseada na cloud, que permite às empresas estabelecer o perfil e a conversão de novos clientes, agrupar conclusões precisas sobre o cliente oriundas de fontes dispersas, assim como recolher dados, alinhados com as regulamentações em vigor, para escolhas otimizadas por parte dos clientes.
 
Este passo é vital para a conversão digital das empresas, porque estas precisam de tirar conclusões precisas em todos os canais, incluindo dispositivos web, móveis, na loja ou em sistemas conectados e de Internet of Things, para além de anexarem dados sobre as preferências dos consumidores. Juntos, estamos devidamente preparados para uma gestão de marketing, vendas e de serviços mais eficaz através de dados, enquanto o cliente mantém o controlo da informação que é partilhada”, esclareceu, aquando da compra, o líder da empresa compradora.